Artigo publicado no Jornal Luzes do Consolador de out 2000- Ano 2 – nº 11

CURAS-ESPIRITUAIS-JOSE-ARIGO-OPERANDO

A Luz Espiritual de Congonhas do Campos

 Prof Múcio de Melo Álvares e Elba Consort

                Durante os onze anos que frequentamos todos os meses de julho, dezembro e janeiro, em nossas férias escolares, o consultório mediúnico de José Arigó, em Congonhas do Campo, estávamos sempre impressionados com a maravilha da Luz Espiritual no Centro Espírita Jesus Nazareno, onde os doentes de todo ponto do Brasil e do Exterior eram atendidos.

                 Sob o efeito dessa luz, vimos centenas de vezes Arigó enterrar uma faca ponteaguda nos olhos de doentes a ponto de tocarmos na ponta da mesma sob a pele do paciente, na sua testa e, quando Arigó incorporado dizia “Cristo não gosta de sangue”, não se verificava qualquer hemorragia. E acontecia o mesmo com a anestesia dos doentes, a assepsia ao rasgar-lhes com facas, bisturis e tesouras os tecidos da cabeça, do tórax, do abdome, das costas, das pernas, dos pés e até dos órgãos genitais e nenhuma infecção jamais ocorreu.

              Dr Fritz, Espírito do Médico desencarnado que incorporava em Arigó, nos explicou várias vezes que essa Luz, vinha de Deus e era captada por Jesus como se fosse um poderoso transformador a lhe reduzir a voltagem e sua ação sobre a matéria. E outros Espíritos Superiores transformavam-na, também, até Frei Fabiano de Cristo que a captava e derramava sobre o consultório mediúnico de José Arigó, a mesma energia fluídica, magnética e espiritual.

           Um dia, pela manhã, perguntamos ao Dr Fritz se não havia perigo de muita contaminação no hotel, ao lado do Centro Espírita onde muitos doentes, inclusive com doenças contagiosos, se hospedavam e ele disse que não. E quando foi à noite estávamos com alguns parentes e amigos, no refeitório do hotel quando vimos um raio de luz esverdeada, como se fosse um relâmpago, passar rapidamente por sobre a mesa imensa do refeitório do hotel. E no dia seguinte Dr Fritz nos informou que Frei Fabiano de Cristo materializou diante de nossos olhos, aquela Luz Espiritual que esterilizou todas as vasilhas  usadas pelos hóspedes para que um dia contássemos o fato em um livro. E contássemos para o mundo o que vimos ali por obra, graça e misericórdia de Jesus. – O  poder fantástico e ainda desconhecido na Terra da Luz Espiritual. Luz que destrói vírus, bactérias, vermes, que regenera tecidos, aliviando e curando doentes. Essa mesma Luz cegou Saulo de Tarso na estrada de Damasco.

                      Observe na  primeira foto, abaixo, um foco de Luz sobre a cabeça de Arigó quando ele foi preso em Conselheiro Lafaiete, acusado de curanderismo, por ação de religiosos fanáticos de Congonhas do Campo e médicos de Belo Horizonte que nunca foram a Congonhas e nunca estudaram Arigó. Os que foram, tornaram-se seus amigos e grandes defensores do médium.

                          Na segunda foto, abaixo, observe e compare a diferença  da luz de uma lâmpada elétrica (onde aparece o soquete, o fio elétrico da lâmpada material).

                         A Luz Espiritual é diferente. Não se prende a nada material. É difusa, bela e só mesmo confunde uma com a outra aqueles que ainda não têm olhos de ver a beleza de um autêntico fenômeno Espiritual.

                                                                        Luz Espiritual

LUZ ESPIRITUAL

                                                

LUZ ELÉTRICA

                                             Luz elétrica

 Artigo publicado no Jornal Luzes do Consolador  de out 2000- Ano 2 – nº 11

Anúncios

2 comentários sobre “Artigo publicado no Jornal Luzes do Consolador de out 2000- Ano 2 – nº 11

  1. Glaciná 14 de novembro de 2013 / 01:02

    Emocionante! Adorei ler e ver as imagens que comprovam que é preciso ver e sentir com o coração a grandiosidade de DEUS e Sua compaixão pela humanidade sofredora e ignorante do poder e Amor que nos acoberta nesse belo planeta envolvido ainda em tantas dores.!
    Obrigada professor, por deixar-nos tantas informações!
    Muitas chuvinhas de luzes onde estiver!

    • luzesdoconsolador 17 de novembro de 2013 / 00:15

      Em nome do Prof Múcio Melo Álvares, receba os nossos agradecimentos. Obrigada!
      Paz e Luz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s